O homem comum fala, o sábio escuta, o tolo discute.



<< Voltar à página inicial